Inove no seu comércio: descubra onde comprar produtos veganos

 

Há muito que o veganismo deixou de ser um estilo de vida secundário e considerado uma “esquisitice”. Não mais algo visto como extremo ou radical, seu impacto positivo na sustentabilidade e no bem-estar animal — sem que seja necessário sacrificar o sabor ou o estilo — faz com que ele se torne uma opção viável e de qualidade para alimentos, roupas e cosméticos.

No entanto, saber onde comprar produtos veganos ainda pode ser um desafio, mas a proliferação de histórias de sucesso vem mudando esse cenário. Atualmente, no Brasil, 30 milhões de pessoas se declaram vegetarianas, e existe uma forte tendência de crescimento do mercado de produtos alimentícios voltados para esse público.

Por isso, mais do que nunca, é importante saber como identificar opções veganas para o consumidor. Pensando nisso, juntamos algumas dicas para mostrar como você pode atender a esse grupo de clientes tão relevante. Continue lendo!

O que leva à escolha pelo veganismo?

As pessoas optam por uma alimentação plant-based (ou seja, baseada em vegetais e em alimentos na sua forma natural) por várias justificativas, mas é possível destacar três grandes motivadores:

  • defesa dos direitos dos animais;
  • preservação do planeta;
  • cuidado com a saúde pessoal.

Independentemente de quais sejam as razões de cada um, é sempre um desafio abandonar hábitos convencionais, como consumir carnes e outros produtos de origem animal, e adotar uma nova maneira de se alimentar.

O movimento vegano está deixando sua marca no mundo, principalmente graças à sua adoção por figuras de destaque e à crescente aceitação dos produtos veganos no mercado consumidor. Nessa jornada, empresas e estabelecimentos que incorporam itens veganos ao seu mix de produtos saem na frente na corrida rumo a uma maior aceitação desse estilo de vida e de alimentação.

O que motiva o consumidor?

É claro que, se há aqueles que escolhem o vegetarianismo e o veganismo em respeito aos animais, ao planeta e à própria saúde, a maior parte dos consumidores leva outros critérios em consideração no processo de compra.

O sabor, o preço e a facilidade de acesso e conveniência no preparo ainda são fatores de peso na hora de escolher os alimentos que vamos consumir. Por isso, é importante investir na disponibilização de itens que juntem todas essas características e ajudem a tornar o veganismo uma opção mais viável para cada vez mais pessoas.

Por que o futuro está no veganismo?

A crescente conscientização sobre as vantagens dos produtos veganos e plant-based para a saúde e para o meio ambiente é um grande impulsionador do desenvolvimento da indústria alimentícia vegana e do interesse de parcelas crescentes do público por esse tipo de alimento. Para você ter uma ideia, a tendência de busca do termo “vegan” no Google quadruplicou entre 2012 e 2017, superando até as buscas relacionadas a alimentos vegetarianos e sem glúten. E isso não é tudo!

Uma pesquisa da Universidade de Oxford de 2016 afirmou que a adoção de dietas cada vez menos dependentes de alimentos de origem animal pode reduzir as emissões de gases de efeito estufa em mais de 60%, além de salvar 8 milhões de vidas humanas até 2050. O estudo também apontou que dietas baseadas majoritariamente em vegetais poderiam levar a uma economia nos gastos com saúde e evitar danos ao clima na ordem de US$ 1,5 trilhão.

Segundo a empresa de consultoria global A.T. Kearney, em 2040, apenas 40% da população mundial consumirá carne e 25% das pessoas já terão feito a opção por consumir carne vegana. Já a parcela restante do mercado (35%) dará preferência a carnes desenvolvidas em laboratório, sem a necessidade do abate.

Outro estudo da Universidade de Oxford, publicado em 2018, apontou que uma dieta vegana é a maneira mais eficiente de diminuir nosso impacto no planeta Terra, pois gera não apenas a diminuição da emissão individual de gases de efeito estufa, mas também reduz a utilização de água e de terras para cultivo.

A pesquisa da universidade britânica mostrou ainda que 83% das terras agrícolas são utilizadas na cultura de carne e de laticínios, produzindo 60% das emissões de gases de efeito estufa da agricultura. Porém, esses alimentos fornecem apenas 18% das calorias e 37% das proteínas necessárias numa dieta.

Como identificar produtos veganos?

Já sabemos que quaisquer alimentos de origem vegetal e in natura, tais como frutas, legumes, verduras, grãos, entre outros, são veganos. Mas como identificar produtos industrializados que não contenham ingredientes de origem animal nem sejam testados em animais? Separamos algumas dicas para ajudar.

Confira o rótulo

Com a ascensão do veganismo, há cada vez mais produtos sendo rotulados como veganos. Ao manusear um item alimentício, observe a embalagem e o rótulo. Ali, você deve procurar por palavras como “produto vegano” ou por selos e certificações que comprovem a alegação feita pelo fabricante.

No Brasil, os principais selos conferidos a produtos veganos são:

Selo Vegano da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB)

O selo certificador da SVB é dado a produtos que não foram testados em animais em qualquer uma das etapas de fabricação e não têm quaisquer ingredientes de origem animal.

Certificado Vegano da Veganismo Brasil

A associação Veganismo Brasil é emissora do Certificado Vegano, que segue os mesmos padrões do selo da Vegan Society, uma das certificações veganas mais tradicionais do mundo. O certificado é dado apenas a produtos não testados em animais e livres de ingredientes de origem animal.

Leia a lista de ingredientes

Alguns alimentos contêm subprodutos derivados de animais “escondidos” em sua composição. Quando conferir o rótulo, procure ingredientes como soro de leite em pó, caseína, renina (também conhecida como coalho), além de mel e carmim, corante natural extraído de um inseto.

Confira se há substâncias alergênicas

No rótulo, é possível encontrar informações referentes à possibilidade de um alimento provocar alergias. Caso o produto contenha ingredientes lácteos, ovos ou frutos do mar, o rótulo deverá indicar a presença desses elementos. Assim, fica mais fácil descobrir se aquele produto é ou não vegano.

Por que é importante saber onde comprar produtos veganos?

Mesmo que os veganos ainda não sejam a maioria entre os consumidores, o crescimento desse mercado é inegável. Com ele, vem uma necessidade cada vez maior e mais urgente por produtos plant-based, que apontem para um estilo de vida sustentável e sem agressões ao meio ambiente e aos animais.

Cada vez mais pessoas têm se interessado em saber onde comprar produtos veganos. Assim sendo, os estabelecimentos que atendem a essa demanda não apenas ganham clientes fiéis, mas também fazem parte de uma pequena grande revolução de consumo, que dá preferência a alimentos eticamente justos.

Entre em contato com a Vida Veg e descubra como ter nossas linhas de produtos veganos, saudáveis e saborosos em sua loja.

Onde Encontrar