Alimentos ricos em cálcio: 7 opções saudáveis de origem vegetal

 

O estímulo ao consumo de leite de origem animal e seus laticínios, frequentemente, é justificado pela necessidade de cálcio. O mineral, de fato, é fundamental para a saúde, mas é importante saber que o leite não é a melhor fonte. Existem outros alimentos ricos em cálcio e que estão cada vez mais presentes no cardápio de quem adota a alimentação vegana.

Além de gordura saturada, o leite (e seus derivados) pode trazer danos à saúde de pessoas alérgicas à proteína ou intolerantes à lactose. Outro problema é o uso de hormônios para estimular o crescimento das criações bovinas. Embora não exista comprovação de que isso afete diretamente a saúde humana, não há razão para expor nosso organismo a esse tipo de substância.

Porém, sem o leite, como suprir as necessidades diárias de cálcio? Será que outros alimentos têm quantidades suficientes do mineral? Descubra em nosso post!

Qual é a recomendação de consumo de cálcio?

O cálcio é um mineral importante para proteger os ossos e os dentes, além de aumentar a resistência muscular e melhorar a coagulação do sangue e o sistema nervoso central. Seu consumo em doses adequadas é fundamental na infância, na fase de crescimento e após os 50 anos, para prevenir e combater a osteoporose. 

A recomendação de consumo diário de cálcio, para um adulto saudável, é de 1.000 miligramas. Contudo, essa quantidade varia com a idade. Após os 50 anos, por exemplo, especialmente em mulheres na menopausa, a necessidade alcança 1.200 miligramas por dia. 

No entanto, é importante lembrar que, para ser absorvido pelo organismo, o cálcio precisa estar associado à vitamina D, que pode ser obtida pela exposição ao sol ou por suplementação. 

Quais são os alimentos ricos em cálcio de origem vegetal?

Existem vários alimentos de origem vegetal que conferem a quantidade necessária de cálcio, de modo que você pode substituir o consumo de leite e dos laticínios sem medo, inclusive combatendo doenças associadas ao excesso de gordura saturada ou intolerâncias. Abaixo, confira algumas sugestões!

1. Verduras de folhas escuras

Vegetais como brócolis, espinafre e couve contêm boas quantidades do mineral. Cada 100 gramas de brócolis, por exemplo, fornece 86 miligramas de cálcio — e ainda tem a vantagem de ser melhor absorvido do que o cálcio do leite de vaca

Por sua vez, 100 gramas de couve contêm 130 miligramas do mineral. Já a mesma quantidade de espinafre, 160 miligramas. Além disso, os vegetais são fontes de fibras e vitaminas importantes para o organismo. 

2. Gergelim

As sementes de gergelim fornecem 400 miligramas de cálcio em cada 100 gramas. Elas podem ser utilizadas de várias maneiras na alimentação, inclusive em leites vegetais. 

3. Aveia

Da mesma forma que o gergelim, a aveia pode ser utilizada em diversos preparos, sendo encontrada em forma de farinha, flocos ou farelo. Cada 100 gramas de aveia fornecem 392 miligramas do mineral. 

4. Amêndoas

Quando se trata dessa oleaginosa, 100 gramas de amêndoas torradas fornecem 254 miligramas de cálcio. 

5. Feijão branco

Cada 100 gramas de feijão cozido fornecem 240 miligramas de cálcio.

6. Grão-de-bico

A cada 100 gramas de grão-de-bico cozido, são obtidos 120 miligramas do mineral.

7. Leites vegetais

Os leites vegetais da Vida Veg, encontrados nos sabores coco ou amêndoas, fornecem, em 200 ml, 33% da necessidade diária de cálcio de um adulto. Ou seja, têm mais cálcio que o leite de origem animal.

Agora que você já conhece outras opções de alimentos ricos em cálcio, vale a pena adotar um estilo de vida mais saudável e livre de sofrimento animal, sem deixar de lado o consumo desse mineral. Aproveite e inclua esses produtos em seu ponto de venda, para melhor atender às necessidades de seus clientes!

Gostou de saber que não é preciso consumir leite para ingerir o cálcio necessário em seu dia a dia? Então compartilhe nosso post em suas redes sociais e divida esse conhecimento com seus contatos!

Onde Encontrar